quinta-feira, 29 de novembro de 2012

SFA - Tanks A Lot (1988)

GÊNERO: Hardcore Old School
ORIGEM: EUA (Nova York / Nova York)
FORMAÇÃO:
Mike Bullshit (Vocal)
Jan Impala (Guitarra)
Bill (Baixo)
Ronn (Bateria)
.
A demo possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Jan Impala.
.
DESTAQUE: Dead Edge
Música com compasso quaternário, tonalidade de F#m (Fá sustenido menor), e forma I-A-B-A-B-A-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente devido à variação de cadência, de A para B, e vice-versa, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: I-III-II, e em B: IV-VI-VII. A introdução (I) nada mais é do que a executado de maneira solo pela guitarra.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Sextrash - Sexual Carnage (1990)

GÊNERO: Death Metal
ORIGEM: Brasil (Belo Horizonte / Minas Gerais)
FORMAÇÃO:
Oswald Scheid (Vocal)
Damned Sentry (Guitarra)
Tommy Simmons (Baixo)
D.D. Crazy (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 130 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas e variações de cadência, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura baixa e extensão pouco elevada, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por D.D. Crazy.
.
DESTAQUE: Night Pigs
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma I-A-B-C-B-C'-B-C-B-C'-D. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência na introdução (I), mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura baixa e extensão pouco elevada, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem, em A, oriundo de cromatismo, sendo neste: I-Cr, em B: I-VII, em C: VII-I-VI-V, e em D: I-III-V. A introdução (I) nada mais é do que A executado com arranjo diferente.

domingo, 25 de novembro de 2012

Sepultura - Against (1998)

GÊNERO: Thrash Metal
ORIGEM: Brasil (Belo Horizonte / Minas Gerais)
FORMAÇÃO:
Derrick Green (Vocal, guitarra)
Andreas Kisser (Guitarra)
Paulo Jr. (Baixo)
Igor Cavalera (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. Os instrumentos de corda possuem a corda mais grave afinada um tom abaixo da afinação padrão. O ritmo possui certa densidade, principalmente devido à acentos deslocados do tempo forte, pausas de pequena duração, variações de cadência, e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes e intervalos dissonantes, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de bateria por Igor Cavalera.
.
DESTAQUE: Drowned Out
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-C-A-B-C-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, quiálteras e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: F#-D, em B: G#-E-G#-E-D, e em C: E-D. A introdução (I) nada mais é do que a execução do power chord do primeiro grau executado de maneira solo pela guitarra.

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Screw 32 - Under The Influence Of Bad People (1997)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: EUA (Berkeley-A.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Andrew Champion (Vocal)
Doug Sangalang (Guitarra)
J. Grant McIntire (Guitarra)
Jimi Cheetah McCluskey (Baixo)
Mark Mortensen (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à síncopas, eventuais variações de cadência, pausas, antecipações e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Sticks And Stones
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-A'-B-C-C'-D-E. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à síncopas, bem como eventuais variações de cadência, pausas de pequena duração, acentos deslocados do tempo forte e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada ora na tonalidade de Dm (Ré menor), ora na tonalidade de Am (Lá menor), sendo executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: D-F-G-A, em B: D-A-E-F-E-C-G-C, em C: F-C-F-C-B-A-G-A, em D: D-A-G-F-C-G, e em E: F-D-F-D-C.

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Satan's Pilgrims - At Home With (1994)

GÊNERO: Surf Music
ORIGEM: EUA (Portland-M.C. / Oregon)
FORMAÇÃO:
Dave Pilgrim (Guitarra, órgão)
Scott Pilgrim (Guitarra)
Bobby Pilgrim (Guitarra)
John Pilgrim (Baixo)
Ted Pilgrim (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, antecipações e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão elevados, existindo saltos de até uma oitava de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada com eventuais acordes de passagem, geralmente, oriundo de empréstimo modal. Destaque para os arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Surf Lyre
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma I-A-B-A-B-A'. O ritmo é pouco denso, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia possui um acorde de passagem (quinto dominante) oriundo de empréstimo modal, sendo na introdução (I): V-I, em A: i-VII-VI-v-III-i-iv-V-i-VII-VI-v-III-v-i, e em B: III-v-i-iv-VII-VI-III-iv-VI-V.

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Sacred Denial - North Of The Order (1987)

GÊNERO: Skate Punk
ORIGEM: EUA (Clifton-P.C. / Nova Jersey)
FORMAÇÃO:
Janus Guderski (Vocal)
Michael G. DeVita (Guitarra)
Anthony Trance (Baixo)
Kenny Drany (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, antecipações e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Michael DeVita.
.
DESTAQUE: The Victim Is Whom?
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-C-D-A-B-C-D-A'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: A-G, em B: E-F-G-A, em C: G-C-F-A-G-C-A-C-B, e em D: Bb-F-G-C-D. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra.

sábado, 17 de novembro de 2012

Rudimentary Peni - Echoes Of Anguish (1998)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: Inglaterra (Londres / Londres)
FORMAÇÃO:
Nick Blinko (Vocal, guitarra)
Grant Matthews (Baixo)
Jon Greville (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário (e uma com compasso composto) e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade do acorde em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Jon Greville.
.
DESTAQUE: Echo
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma I-A-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência e antecipações, em A, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica do acorde em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um riff de guitarra, em B, que ajuda a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VI-V-III, e em B: V. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra. Entre A e B existe uma ponte onde nada mais é do que a execução do power chord do quinto grau.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Rollins Band - Get Some Go Again (2000)

GÊNERO: Hard Rock
ORIGEM: EUA (Los Angeles-L.A.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Henry Rollins (Vocal)
Jim Wilson (Guitarra, piano)
Jason Mackenroth (Saxofone, bateria)
Marcus Blake (Baixo)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo possui certa densidade, principalmente devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, antecipações, pausas e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma quinta de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada com eventuais acordes de passagem, bem como dissonâncias e frequentes riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Jim Wilson.
.
DESTAQUE: You Let Yourself Down
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma I-A-B-A'-B-A''-B'-A-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é toda executada em power chords, existindo eventuais acordes de passagem oriundos de empréstimo modal e cromatismo, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I, e em B: III-I-III-I-IV-III-IV-III-V-VI-Cr-VII-Cr. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra. Entre B' e A existe uma ponte onde nada mais é do que o mesmo arranjo da introdução.

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Rip Rig + Panic - God (1981)

GÊNERO: Jazz Core
ORIGEM: Inglaterra (Bristol / Bristol)
FORMAÇÃO:
Mark Springer (Piano, saxofone)
Gareth Sager (Guitarra, teclado, saxofone)
Sean Oliver (Baixo)
Bruce Smith (Bateria, percussão)
.
O álbum possui músicas com compasso variado e andamento médio de 100 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência e compasso, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, antecipações, bem como arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo frequentes notas de passagem, não possuindo referência tonal. A harmonia é executada com frequentes dissonâncias, existindo frequentes frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Neneh Cherry no vocal, e David Flash Wright tocando saxofone.
.
DESTAQUE: Need (De School You)
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma A-A'. O ritmo possui certa densidade, principalmente devido à pausas, antecipações e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, existindo frequentes notas de passagem, não existindo uma referência tonal. A harmonia é executada com constantes dissonâncias, existindo constantes frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: IV-III-I.

domingo, 11 de novembro de 2012

Rich Kids On LSD - Riches To Rags (1994)

GÊNERO: Skate Punk
ORIGEM: EUA (Montecito-S.B.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Jason Sears (Vocal)
Barry Ward (Guitarra)
Chris Rest (Guitarra)
Joe Raposo (Baixo)
Dave Raun (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à síncopas, variações de cadência, pausas, antecipações e arranjos específicos de cada instrumento, bem como eventuais quiálteras, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, existindo eventuais acordes de passagem, bem como frequentes riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: House Guest
Música com compasso quaternário, tonalidade de Bm (Si menor), e forma I-A-B-A-B'-C-D-B''. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à frequentes síncopas, bem como eventuais variações de cadência, pausas, antecipações, e arranjos específicos de cada instrumento. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e intervalos com a inclusão da terça, existindo uma variação tonal, para um tom abaixo (Lá menor), em C, bem como constantes riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): I-VII-I-VII-I-VI-IV-V, em A: I-VI-I-VI-V-VII-IV-V, em B: V-VI-VII-I, em C: I-III-IV, e em D: V-VII-I.

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Rey Gordiflon - Ahora (2000)

GÊNERO: Ska Core
ORIGEM: Colômbia (Envigado / Antioquia)
FORMAÇÃO:
Andrés Jerónimo Rúa (Vocal, guitarra)
John Freddy Montes (Trompete)
Juan Antonio Murillo (Saxofone)
Ñaño - Alejandro Fernández (Guitarra)
Rogelio Andres Acosta (Baixo)
Seres - Sergio Andres Rojas (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo frequentes contracantos, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, bem como frequentes frases dos instrumentos de sopro que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de sopro.
.
DESTAQUE: No Nos Rendiremos
Música com compasso quaternário, tonalidade de F (Fá Maior), e forma A-B-C-D-A-B-C-D'. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, antecipações e quiálteras, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, pro graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo um acorde de passagem, em D, oriundo de cromatismo, bem como frequentes frases dos instrumentos de sopro que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-IV-I-IV-II-I, em B: I-IV-V-IV-III, em C: I-V, e em D: IV-V-IV-V-IV-Cr-V.

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Restos De Nada - II (2001)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: Brasil (São Paulo / São Paulo)
FORMAÇÃO:
Ariel (Vocal)
Douglas Viscaino (Guitarra)
Irene (Baixo)
Luiz (Baixo)
Carlos Charles (Bateria)
Cuga (Bateria)
.
Álbum lançado em 2001, porém com gravações dos anos de 1980 e 2001. O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Ariel.
.
DESTAQUE: Opressores Não Mais!
Música com compasso quaternário, tonalidade de Dm (Ré menor), e forma I-A-B-A'-A''-B-A'. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem, em B, oriundo de empréstimo tonal, sendo em A: I-VI-IV, e em B: V-VII-IV-V-VII-IV-VII-III/vii-I-IV-III. A introdução (I) nada mais é do que A executado com arranjo diferente.

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Reset - No Limits (1999)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Canadá (Montreal / Quebec)
FORMAÇÃO:
Pierre Bouvier (Vocal, baixo)
Philippe Jolicoeur (Guitarra)
Adrian White (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente devido à frequentes síncopas, pausas e acentos deslocados do tempo forte, bem como eventuais antecipações e variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Adrian White.
.
DESTAQUE: Planet Earth
Música com compasso quaternário, tonalidade de Bm (Si menor), e forma I-A-B-B'-A-C-B''-A'. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, frequentes síncopas e arranjos específicos da guitarra, bem como eventuais antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-III-VII-IV-I-III-VI-V-VI-IV-I-III-VII-IV-VI-VII-III-IV, em B: I-III-VI-VII-I-III-VI-IV-I-III-VI-IV, e em C: I-VI-IV-V-VI-VII-I-VI-IV. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra. Entre A e B existe uma ponte onde nada mais é do que a cadência VI-VII.

sábado, 3 de novembro de 2012

Reincidentes - Nunca Es Tarde... Si La Dicha Es Buena (1994)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Espanha (Sevilha / Andaluzia)
FORMAÇÃO:
Fernando Madina Pepper (Vocal, baixo)
Juan M. Rodríguez Barea (Guitarra)
Finito De Badajoz Candy (Guitarra)
Manuel J. Pizarro Fernández (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Vicio
Música com compasso quaternário, tonalidade de Dm (Ré menor), e forma I-A-B-A-B'-A'-C-A''-A-B''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VI-I-VI-III, em B: I-VI-III-VII, e em C: IV-V-VI-VII-I-VII. A introdução (I) nada mais é do que A executado com arranjo diferente.

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Red Hot Chili Peppers - Californication (1999)

GÊNERO: Funk Metal
ORIGEM: EUA (Los Angeles-L.A.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Anthony Kiedis (Vocal)
John Frusciante (Guitarra)
Michael Flea Balzary (Baixo)
Chad Smith (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente devido à variações de cadência, antecipações, acentos deslocados do tempo forte, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma quinta de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia possui eventuais acordes de passagem, existindo constantes frases do baixo, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Greg Kurstin e Patrick Warren, tocando teclado e órgão, respectivamente.
.
DESTAQUE: I Like Dirt
Música com compasso quaternário, tonalidade de Bm (Si menor), e forma I-A-A'-A-B-A-A'-C-A''-A-A'-A'''. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, pausas, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia possui uma transposição para meio tom acima, em B, existindo constante frase do baixo que ajuda a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): VII-I, em A: I, em B: I, e em C: III-IV.