segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Undeclinable Ambuscade - Walking On Air (1998)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Holanda ('S-Hertogenbosch / Brabante Do Norte)
FORMAÇÃO:
Erik Van Haaren (Vocal)
Helmer Lathouwers (Guitarra)
Dennis Doesburg (Guitarra)
Skanne Van Selst (Baixo)
Jorg Smeets (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como frequentes riffs de guitarra e eventuais frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: You Lose Again
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma A-B-A'-A''-C-A'-B-D-A'. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada, quase toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como inversões, além de frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: D-G-C-A, em B: D-C-F-A6/4, em C: B-A-G, e em D: G-A-Bb-C-D-E-C-Bb-C.

sábado, 9 de agosto de 2014

Ugly Kid Joe - Motel California (1996)

GÊNERO: Funk Metal
ORIGEM: EUA (Isla Vista-S.B.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Whitfield Crane (Vocal)
Klaus Eichstadt (Guitarra)
Dave Fortman (Guitarra)
Cordell Crockett (Baixo)
Shannon Larkin (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, antecipações, pausas, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura pouco elevada e extensão elevada, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, executados, eventualmente, de maneira arpejada, existindo frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Tim Wheater tocando flauta, e Angus Cooke tocando violoncelo.
.
DESTAQUE: Dialogue
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma I-A-B-A-B-C-A'-B-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à arranjos de dinâmica, bem como antecipações, e eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: IV-III-V-I, em B: IV-III-V-IV-III-V-I, e em C: III-IV-I. A introdução (I) nada mais é do que A executado com arranjo diferente.

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Twenty2 - Keepin' Busy (2000)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Canadá (Montreal / Quebec)
FORMAÇÃO:
John Genier (Vocal)
Rocket - Dave (Guitarra)
Couz (Baixo)
Nick (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, antecipações, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, síncopas, bem como eventuais quiálteras, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais intervalos de terça ou dissonâncias, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Dave Rocket.
.
DESTAQUE: 13 Seconds
Música com compasso quaternário, tonalidade de F#m (Fá sustenido menor), e forma A-A'-B-A'-B-C. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência, em C, bem como antecipações e eventuais quiálteras, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais intervalos, sendo em A: I-III6-VI-I-III6-VI-I-III-V-VI-VII, em B: I-III-VII, e em C: I-V-VI-I-III-I-V-VI-VII. Entre B e A' existe uma ponte onde nada mais é do que a progressão VI-V-III-I, a qual aparece, também, após C.

terça-feira, 5 de agosto de 2014

Turbonegro - Small Feces Volume 2 (2005)

GÊNERO: Garage Punk
ORIGEM: Noruega (Oslo / Ostlandet)
FORMAÇÃO:
Pal Erik Carlin (Vocal)
Harald Fossberg (Vocal)
Hank Von Helvete (Vocal)
Rune Gronn (Guitarra)
Vegard Heskestad (Guitarra)
Pal Pot Pamparius (Guitarra)
Thomas Seltzer (Baixo, bateria)
Ole Martinsen (Baixo)
Bengt Calmeyer (Baixo)
Tor Kristian Jenssen (Bateria)
Carlos Carrasco (Bateria)
.
Álbum lançado em 2005, porém com gravações do período entre 1989 e 1995. O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, antecipações e pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Zonked Out (On Hashish)
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma A-B-A-B-C-A'-B'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à frequentes antecipações, bem como eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power cords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VII-I-VII-I-III-I-VII-I-VII-I-III-V-I-VII-I-VII-I-III-V-I-VII-I-VII-I-III-V-I-VII-I-VII-I-III-IV-I-VII-I-VII-I-III, em B: IV-VI-I-VII-I-VII-I-III-IV-VI, e em C: I.

domingo, 3 de agosto de 2014

Tryo - Tryo (1996)

GÊNERO: Rock Progressivo
ORIGEM: Chile (Viña Del Mar / Valparaíso)
FORMAÇÃO:
Ismael Cortez (Vocal, guitarra, violão)
Francisco Cortez (Vocal, baixo, violoncelo)
Felix Carbone (Bateria, percussão)
.
O álbum possui músicas com compassos variados e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é extremamente denso, existindo variações de compasso e cadência, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, arranjos de dinâmica, pausas, quiálteras, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, possuindo altura e extensão elevados, variando a escala de acordo com a harmonia em questão. A harmonia é executada com acordes dissonantes, variando sua intenção tonal ou modal, existindo frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos rítmicos.
.
DESTAQUE: Tierra
Música com compassos variados, sem tonalidade definida, e forma A-B-A-B'-A'-B''-A''-C-B'-A''-B'-C-A''-C'-A''-C-D. O ritmo é extremamente denso, principalmente devido à variações de compasso, síncopas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, quiálteras, bem como arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, possuindo altura e extensão elevados, variando a escala de acordo com a harmonia em questão. A harmonia possui frequentes acordes dissonantes, é baseado na ideia de Dó, variando o modo e a referência, existindo constantes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: F7(5b)-C7+(5b), em B: C7+-G13b-F7(5b)-C7+, em C: F7+(4#), e em D: C7+(5b)-F7(5b).

sexta-feira, 1 de agosto de 2014

Triumph - Surveillance (1987)

GÊNERO: A.O.R.
ORIGEM: Canadá (Mississauga / Ontario)
FORMAÇÃO:
Rik Emmett (Vocal, guitarra, synclavier, Fairlight CMI)
Gil Moore (Vocal, bateria, percussão)
Michael Levine (Baixo, teclado, sintetizador)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 100 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo extensão elevada e altura pouco elevada, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, existindo eventuais inversões, bem como frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Steve Morse tocando guitarra, Dave Traczuk tocando sintetizador, teclado e programação, e Greg Loates tocando percussão e programação.
.
DESTAQUE: Headed For Nowhere
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma A-B-C-D-A-B-C-D-E-F-A'-B-C-D-A''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, existindo eventuais contracantos, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais inversões e acordes de passagem, oriundos de empréstimo tonal (dominante secundário) e cromatismo, bem como uma variação tonal, em F, para um tom e meio abaixo (Dó sustenido menor), além de eventuais frases do baixo e frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-V, em B: V-VII-I-VII-V-IV-V-VII-IV-V-VII-I-VII-V-IV-V-III-V/V, em C: III-IV-V-I-VII-V-III-IV-V-IV-V, em D: I-VI-IV-III-VII6, em E: V-I-Cr-V/V-V-III-VII-IV-III-I-V-III-Cr-IV-IV/VI-VI-III-IV, e em F: I-V-IV-VII-VI-VII. Existem duas pontes, uma antes de E e outra antes de F, sendo nada mais que as progressões I-V-V/V-V/V/V-V/V/V/V-III-V-IV-III-IV-V-IV-III-II-I-II-III-IV, e I-V-V/V-V/V/V, respectivamente.

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Toy Dolls - Geordie's Gone To Jail (1986)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Inglaterra (Sunderland / Tyne And Wear)
FORMAÇÃO:
Olga - Michael Algar (Vocal, guitarra)
Dean James - Dean Robson (Baixo)
Teddy Toy Doll - Graham Edmundson (Bateria)
.
O single possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais pausas e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra por Olga.
.
DESTAQUE: Idle Gossip
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ab (Lá bemol Maior), e forma I-A-B-C-A-B-C-D-B-C'-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo uma variação modal, em D, bem como frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-V-IV-I, em B: IV-I-IV-I-IV-V-I, em C: IV-I-V, e em D: I-III-V. A introdução (I) nada mais é do que o frequente riff de guitarra, baseado na escala pentatônica menor de Lá bemol, executado de maneira solo. Entre C e D existe uma ponte onde nada mais é do que o mesmo riff de guitarra seguido do acorde do quinto grau. A Coda nada mais é do que o trecho do riff da guitarra.

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Total Chaos - Punk Invasion (2001)

GÊNERO: D-Beat
ORIGEM: EUA (Pomona-L.A.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Rob Chaos (Vocal)
Sean Smash (Guitarra)
Todd Trash (Baixo)
Danny Boy Virus (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais síncopas, antecipações, e variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Rob Chaos.
.
DESTAQUE: Punk Invasion
Música com compasso quaternário, está no modo de Dó Frígio, e forma I-A-B-A-B-A'-B-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à antecipações, em A, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo uma transposição, na Coda, a qual desce um tom (Si bemol Frígio), existindo um acorde de passagem oriundo de cromatismo, sendo na introdução (I): I-VII-II, em A: I-II-III-II, em B: IV-II-III, e na Coda: I-II-I-III-I-II-I-Cr-IV.

sábado, 26 de julho de 2014

Todos Tus Muertos - Dale Aborigen (1994)

GÊNERO: Funk Metal
ORIGEM: Argentina (Buenos Aires / Distrito Federal)
FORMAÇÃO:
Fidel Nadal (Vocal)
Dronkit Master - Pablo (Vocal, percussão)
Horacio Gamexane (Guitarra)
Felix (Baixo)
Pablo Potenzoni (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de compasso, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, antecipações, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, existindo frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Guillermo Piccolini tocando teclado, Manu Chao tocando guitarra e violão, El Mosco Buzz tocando guitarra, Labios De Hule (Sebastian Ravazzini) e Kapanga tocando trompete, Sergio Rotman tocando saxofone, Daniel Zimbello tocando trombone, Lito Mazore tocando Sitar, Sergio Arrastia tocando tablas, tambura e mirdanga; e La Mosca (Martín Lorenzo), El Toco (Gerardo), e El Negro Rueda tocando percussão.
.
DESTAQUE: El Día Más Feliz
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-A-B-A'-C-A''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: B-Gb-Eb-D, em B: C#-B-C#-E-B-E-B, e em C: B-C-C#-C. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra.

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Three Bad Jacks - Crazy In The Head (2005)

GÊNERO: Psychobilly
ORIGEM: EUA (Los Angeles-L.A.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Elvis Suissa (Vocal, guitarra)
Ruben Ibarra (Baixo acústico)
Adam Jones (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo é pouco denso apesar dos constantes shuffles, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas, bem como acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, existindo frequentes frases do baixo, bem como eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de baixo por Ruben Ibarra.
.
DESTAQUE: Crazy In The Head
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma I-A-B-A-C-B-B'-B-A'-C'-B. O ritmo é pouco denso apesar dos constantes shuffles, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, em C, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada com frequentes riffs de guitarra, existindo um acorde de passagem, em B, oriundo do cromatismo do blue note, sendo em A: I-III-I, em B: I-III-V-Cr, e em C: I-III-IV-V. A introdução (I) nada mais é do que B executado com arranjo diferente.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Test Ban Treaty - 8' 51'' (2001)

GÊNERO: Power Violence
ORIGEM: Brasil (Curitiba / Paraná)
FORMAÇÃO:
Boleve (Vocal)
Raphael (Guitarra)
Chico (Baixo)
Bruno (Bateria)
.
A demo possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Raphael.
.
DESTAQUE: Ricardo Montalban
Música com compasso quaternário, tonalidade de Bbm (Si bemol menor), e forma I-A-B-C-D-A-B'-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência, em D, bem como eventuais síncopas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo na introdução (I): I, em A: I-III, em B: VII-I-III-I, em C: V-I, em D: I-VII-I-III, e na Coda: V.

domingo, 20 de julho de 2014

Terveet Kädet - Halloween (1983)

GÊNERO: D-Beat
ORIGEM: Finlândia (Tornio / Lapland)
FORMAÇÃO:
Läjä - Veli-Matti Äijälä (Vocal)
Tiimo Viik (Guitarra)
Pläsky (Baixo)
Walde (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e síncopas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Tiimo Viik.
.
DESTAQUE: A.L.I.E.N.
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma A-A'-B-A'-B-A. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à frequentes síncopas, bem como eventuais antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem oriundo do cromatismo do blue note, bem como eventuais riffs de guitarra, em A, que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo neste: I-III-I-V-Cr, e em B: VI-VII-VI-VII-I-VII-I.

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Television's Greatest Hits - Remote Control (1996)

GÊNEROS: Funk / Jazz / Soul / Rock / Pop / New Wave / Fusion / Salsa / Bluegrass / Samba / Disco / Clássico
ORIGEM: EUA (Nova York / Nova York)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário, ternário e binário, eventualmente composto, e andamento médio de 95 bpm. O ritmo é bastante denso, principalmente, devido à variações de cadência e compasso, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como síncopas, quiálteras, shuffles, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência, e, em eventuais casos, algumas dissonâncias. A harmonia é executada com frequentes intervalos dissonantes, existindo diferentes referências harmônicas. Coletânea lançada pelo selo TVT Records.
.
DESTAQUE: Family Feud
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma A-B-A'-B'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, em B, bem como arranjos específicos de cada instrumento, e eventuais quiálteras, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão elevados, mantendo a escala de Sol Mixolídio, em A, como referência, enquanto em B, a escala pentatônica menor de Sol é que está como referência. A harmonia é executada dentro do campo harmônico das escalas utilizadas como referência, sendo em A: I, e em B: I-VII-V-VII-V-IV-I-III-IV.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Tarakany! - Crazy Boys (1991)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Rússia (Moscou / Distrito Federal Central)
FORMAÇÃO:
Jerry Lydon - Juri Lenin (Vocal)
Worobei - Dmitri Worobjow (Guitarra)
Sid - Dmitri Spirin (Baixo)
Ruban - Denis Rubanow (Bateria)
.
A demo possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à eventuais antecipações e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Jerry Lydon.
.
DESTAQUE: Kresa
Música com compasso quaternário, tonalidade de F (Fá Maior), e forma I-A-B-A'-B-A'-B-A''-A-B-A'''-B-A'''-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à frequentes antecipações, bem como eventuais acentos deslocados do tempo forte, em B, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo na introdução (I): I-IV-I-IV-I-V, em A: I-V-II-IV, e em B: I-IV.

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Tankard - Chemical Invasion (1987)

GÊNERO: Thrash Metal
ORIGEM: Alemanha (Frankfurt Am Main / Hesse)
FORMAÇÃO:
Gerre - Andreas Geremia (Vocal)
Axel Katzmann (Guitarra)
Andy Bulgaropulos (Guitarra)
Frank Thorwarth (Baixo)
Oliver Werner (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, antecipações, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como arranjos específicos de cada instrumento, em especial das guitarras, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Tantrum
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma A-A'-A''-B-C-B-C'-B-C-B-C'-D-E-F-E-B-C-B-C'-D. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, e antecipações, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: G-F#-G-F#-G-A#, em B: A-B-C-A-B-C-D-A-B-C-A-F-E-C-B, em C: E-F#-G-A-A#-E-F#-G-A, em D: E-G#, em E: F-G#-C, e em F: D-B.

sábado, 12 de julho de 2014

Symbionese - 3% (1998)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Japão
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de baixo.
.
DESTAQUE: Death Of Freedom
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma A-B-C-A'-B'-A''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, antecipações, bem como eventuais acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: II-III-II-VI-V, em B: I-III-IV-VI-V, e em C: I.

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Supergirls - ...Not My Country (1997)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: EUA (Los Angeles-L.A.C. / Califórnia)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes frases do baixo, bem como eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de baixo.
.
DESTAQUE: All Purpose Blues
Música com compasso quaternário, tonalidade de E (Mi Maior), e forma I-A-B-C-B'-D-B''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às frequentes pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo uma variação tonal, na introdução (I), para 1 tom e meio acima (Sol Maior), sendo nesta: I-III-VI-V, em A: I-VII-VI-VII, em B: I-VI-IV-V, em C: I-IV-V, e em D: I-IV.

terça-feira, 8 de julho de 2014

Sugar Kane - Por Nossa Paz (2001)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Brasil (Curitiba / Paraná)
FORMAÇÃO:
Alexandre Capilé (Vocal, guitarra)
Vini Zampieri (Guitarra)
Júnior (Baixo)
Renê Bernuncia (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à síncopas, variações de cadência, pausas, e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos ou acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Contra Todos
Música com compasso quaternário, tonalidade de Dm (Ré menor), e forma A-B-C-B'-A'-B-C-B'-D-B'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência em D, bem como eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-III-VII-IV, em B: I-III-VII, em C: VI-VII, e em D: I-III-IV-VII.

domingo, 6 de julho de 2014

Sudarshana - Sacrifício (1997)

GÊNERO: Emo Core
ORIGEM: Argentina (Buenos Aires / Distrito Federal)
FORMAÇÃO:
Ariel Pavletic (Vocal)
Javier Casas (Guitarra)
Pablo Priyasakha Dasa (Guitarra)
Pablo Rivera (Baixo)
Emilio Ponti (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, síncopas, e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, eventualmente, de maneira arpejada, existindo frequentes riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Imagen
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma A-B-C-A'-B-C-D-E. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, pausas, síncopas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, antecipações e arranjos específicos da bateria, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, eventualmente, de maneira arpejada, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VI, em B: I-VI-IV, em C: I-VI-IV-VII, em D: I-VI-III-VI-III, e em E: I-VII-I-VI. Entre A e B existe uma ponte, onde nada mais é do que a execução do acorde do primeiro grau.

sexta-feira, 4 de julho de 2014

Subhumans - Demolition War (1981)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: Inglaterra (Melksham / Wiltshire)
FORMAÇÃO:
Dick Lucas (Vocal)
Bruce Treasure (Guitarra)
Grant Mulry (Baixo)
Trotsky (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Bruce Treasure.
.

DESTAQUE: Drugs Of Youth
Música com compasso quaternário, está no modo de Mi Frígio, e possui forma I-A-B-A-B-A'-B-C. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência em C, bem como acentos no contratempo, em B, mantendo a figura da ciolcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-V-VI-II, em B: I-II-I-VI-V, e em C: VI-I. A introdução (I) nada mais é do que a execução do power chord do primeiro grau executado de maneira solo pela guitarra.

quarta-feira, 2 de julho de 2014

Subhumans - Pissed Off... With Good Reason! (1996)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Canadá (Vancouver / British Columbia)
FORMAÇÃO:
Wimpy - Brian Roy Goble (Vocal)
Normal - Mike Graham (Guitarra)
Useless - Gerry Hannah (Baixo)
Dimwit - Ken Montgomery (Bateria)
Jim - Koichi Imagawa (Bateria)
.
Álbum lançado em 1996, porém com gravações do período entre 1978 e 1981, e 1995. O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Normal.
.
DESTAQUE: Out Of Line
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma I-A-B-C-A-C'-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra, em A, que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo neste: I-IV-VI-VII, em B: IV-I-III-I, e em C: I-VI-IV. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pelo baixo.

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Stupid Rich Kids - Stupid Rich Kids (2007)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Brasil (Rio De Janeiro / Rio De Janeiro)
FORMAÇÃO:
Chau (Vocal, baixo)
Zizico (Guitarra)
Izidoro (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais acentos deslocados do tempo forte ou contratempo e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Zizico.
.
DESTAQUE: Nerd Attack
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma I-A-B-C-A-B-C-D-E-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à variações de cadência, bem como frequentes síncopas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo uma variação tonal, em D e E, a qual vai para o quarto grau (Lá menor), bem como eventuais intervalos de terça, além de uma inversão em D, sendo em A: I-VI-III-VII, em B: I-III-IV-VI-VII, em C: I-III-IV-I, em D: VI-VII-III-VII6-I-VI-VII-I-VII-VI-VII, em E: I-VII-VI-VII, e na Coda: I-VI-III. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pelo baixo.

sábado, 28 de junho de 2014

Stuhlzapfchen Von N - Ataque Às Hordas Do Poder (1986)

GÊNERO: D-Beat
ORIGEM: Brasil (Brasília / Distrito Federal)
FORMAÇÃO:
Gilmar (Vocal, guitarra)
Ayrton (Baixo)
Betinho (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, existindo eventuais trechos onde os instrumentos não estão sincronizados entre si, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Gilmar.
.
DESTAQUE: Der Weg Zu Zweit
Música com compasso quaternário, tonalidade de Cm (Dó menor), e forma I-A-A'-A-A''-A'''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à variação de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda em power chords, existindo acordes com a inclusão da terça na introdução (I), sendo em A: I-VI-III-VII. A introdução (I) nada mais é do que A executado com arranjo diferente.

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Stretch Arm Strong - A Revolution Transmission (2001)

GÊNERO: Metalcore
ORIGEM: EUA (Chapin-L.C. / Carolina Do Sul)
FORMAÇÃO:
Chris McLane (Vocal)
David Sease (Guitarra, piano)
Scott Dempsey (Guitarra)
Jeremy Jeffers (Baixo)
John Barry (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e nadamento médio de 115 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados um tom abaixo da afinação padrão. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, síncopas, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, antecipações, bem como arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça e inversões, bem como frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por John Barry.
.
DESTAQUE: Worst Case Scenario
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma I-A-B-A'-B-C-C'. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variação de cadência em C, bem como síncopas e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem, em C, oriundo de cromatismo, bem como eventuais inversões, além de frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): I, em A: I-III-VI-V, em B: VI-I-VI-III, e em C: IV-Cr.

terça-feira, 24 de junho de 2014

Strebers - Mitt Blod / Ditt Blod (1988)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Suécia (Strängnäs / Södermanland)
FORMAÇÃO:
Ulke - Micke Johansson (Vocal, guitarra)
Micke Blomqvist (Guitarra)
Pelle Pettersson (Baixo)
Johnny Rydh (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Ulke.
.
DESTAQUE: Kvinna & Karl
Música com compasso quaternário, tonalidade de D (Ré Maior), e forma I-A-B-A-C-B'-B-A-C-D. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência em D, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais inversões e intervalos de terça em B', bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VI-V-VI-V-VI-I-V, em B: I-V-VI-III-IV-I-II-V, em C: I-V-VI-IV, e em D: VI-III. A introdução (I) nada mais é do que A executado com arranjo diferente. Entre C e D existe uma ponte onde nada mais é do que a execução do power chord do primeiro grau.

domingo, 22 de junho de 2014

Stiff Little Fingers - Guitar And Drum (2003)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Irlanda Do Norte (Belfast / Ulster)
FORMAÇÃO:
Jake Burns (Vocal, guitarra)
Ian McCallum (Guitarra)
Bruce Foxton (Baixo)
Steve Grantley (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, antecipações, e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais frases do baixo, bem como frequentes riffs de guitarra, que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Jake Burns.
.
DESTAQUE: Empty Sky
Música com compasso quaternário, está no modo de Lá Mixolídio, e possui forma I-A-B-C-A'-B-C-A''-B'-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e à uma pausa em B', mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade do modo como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo um acorde de passagem, em A, oriundo de empréstimo modal (acorde do terceiro grau de origem de Lá Eólio), bem como uma transposição para um tom acima em A'', sendo em A: VII-I-VII-I-III-IV-VII-I-VII-I-VII-VI, em B: I-VII-I, e em C: I-VII-IV. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra.

sexta-feira, 20 de junho de 2014

SPS - Pred Popravci Cetou (2005)

GÊNERO: Oi!
ORIGEM: República Tcheca (Praga / Distrito Federal)
FORMAÇÃO:
Krkavec - Zdenek Ruzicka (Vocal, guitarra)
Jerry Sebek (Guitarra)
Skleník - Jan Sklenár (Baixo)
Territory - David Srytr (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Territory.
.
DESTAQUE: Hlupák
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma I-A-B-C-A-B-C-A-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido às eventuais pausas em C, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo uma variação modal, em A, a qual está no modo de Mi Frígio, sendo nesta: I-II-I-VII, em B: I-III-VII-IV-VI-VII-I, e em C: VI-VII-I. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra.

quarta-feira, 18 de junho de 2014

Special Duties - '77 In '82 (1982)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: Inglaterra (Colchester / Essex)
FORMAÇÃO:
Arrogant - Steve Green (Vocal)
Bart Povah (Guitarra)
Duty - Steve Norris (Baixo)
Stu Crasshater - Stuart Bray (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Arrogant.
.
DESTAQUE: Rondelet Control
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-A-B-C. O ritmo é pouco denso, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo na introdução (I): Bb, em A: Eb-Bb-Eb-Bb-Gb-Ab, em B: C#-E-A-B, e em C: E-A-B.

segunda-feira, 16 de junho de 2014

Sonofabeat - Hidden From Reality (1997)

GÊNERO: Hradcore Melódico
ORIGEM: Canadá (Saguenay / Quebec)
FORMAÇÃO:
Sonny (Vocal, baixo)
Max (Guitarra)
Yaco (Guitarra)
Fesse (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de baixo por Sonny.
.
DESTAQUE: Fesse The Tapemaster
Música com compasso quaternário, tonalidade de Bm (Si menor), e forma I-A-B-B'-C-D-B''-E-F-B''-B'''. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, acentos executados no contratempo, pausas de pequena duração e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura elevada e extensão pouco elevada, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): I-VII-I-VI, em A: I-VII-I-VI-I-VII-VI-VII, em B: I-VII-VI, em C: I-VII-VI-VII-I-VI-VII-V-I-VII-V-VI-VII, em D: I-VII-VI-V, em E: I, e em F: I-V-VI-V-VII. Entre B' e C existe uma ponte onde nada mais é do que a execução do power chord do quinto grau.

sábado, 14 de junho de 2014

Som Imaginário - Som Imaginário (Nova Estrela) (1971)

GÊNERO: Rock Psicodélico
ORIGEM: Brasil (Rio De Janeiro / Rio De Janeiro)
FORMAÇÃO:
Wagner Tiso (Vocal, piano, órgão)
Frederyko (Guitarra)
Tavito (Violão)
Luiz Alves (Baixo)
Robertinho Silva (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 100 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, variações de compasso e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, existindo frequentes frases do baixo e teclado, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos vocais por Wagner Tiso.
.
DESTAQUE: Cenouras
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma I-A-B-C-A'-B-C-A'-B-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido ao frequente shuffle, bem como eventuais antecipações e pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura elevada e extensão pouco elevada, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais acordes de passagem oriundos de cromatismo, sendo na introdução (I): IV-III-I, em A: I-III, em B: I-III-IV-VI-IV, e em C: Cr-IV-Cr-V.

quinta-feira, 12 de junho de 2014

Snuff - Flibbiddydibbiddydob (1990)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Inglaterra (Londres / Londres)
FORMAÇÃO:
Duncan Redmonds (Vocal, bateria)
Simon Wells (Guitarra)
Dave Redmonds (Trombone)
Andy Crighton (Baixo)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais pausas, antecipações e síncopas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Simon Wells.
.
DESTAQUE: I Can't Explain
Música com compasso quaternário, está no modo de Lá Mixolídio, e possui forma I-A-A'-B-A-B-A''-B'-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente devido à variações de cadência, bem como eventuais antecipações, na ponte, e síncopas, em A'', mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia possui um acorde de passagem (V) oriundo da função de dominante, sendo em A: I-VII-IV-I, e em B: I-VI-IV-V. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra. Sempre antes de B e B' existe uma ponte, onde nada mais é do que a progressão harmônica I-VII-V. A Coda nada mais é do que A executado com arranjo diferente.

terça-feira, 10 de junho de 2014

Smackin' Isaiah - The Champagne Of Bands... We Know Sexy (2002)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: EUA (New Bedford-B.C. / Massachusetts)
FORMAÇÃO:
Nuno Pereira (Vocal)
Trevor Reilly (Guitarra)
Chris Levesque (Guitarra)
Jonathan Teves (Baixo)
Nicholas Angelini (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, pausas, síncopas, quiálteras, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, antecipações e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria e guitarra, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma oitava de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, bem como a inclusão de eventuais dissonâncias, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Clear As Mud
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma A-B-C-D-A'-B'-A''-E-Coda. O ritmo é bastante denso, principalmente, devido à variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, síncopas, quiálteras e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria e guitarra, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma quinta de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo uma inversão, em C, bem como um acorde de passagem, também em C, oriundo de cromatismo, e outro, em D, oriundo de empréstimo tonal, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VII-VI, em B: III-IV-VI-VII-I-VI, em C: III-VII6-Cr-I, em D: VI-I-VII-VI-V-VI-IV/VI-III, em E: III-VII-I-VI, e na Coda: I.

domingo, 8 de junho de 2014

Sluts - Bäh!!! (1982)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: Alemanha (Braunschweig / Niedersachsen)
FORMAÇÃO:
Schlampe (Vocal)
Pelle (Guitarra)
Kat (Baixo)
Peter (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Pelle.
.
DESTAQUE: Verblöden
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma I-A-B-A-B-A-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido à eventuais antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, sendo em A: I-III-IV-I-IV-III-II-I, e em B: VI-III-I. A introdução (I) nada mais é do que a execução do acorde do primeiro grau executado de maneira solo pela guitarra.

sexta-feira, 6 de junho de 2014

Slackers - Split [Pulley] (2004)

GÊNERO: Ska
ORIGEM: EUA (Nova York / Nova York)
FORMAÇÃO:
Vic Ruggiero (Vocal, teclado)
TJ Scanlon (Guitarra)
Dave Hillyard (Saxofone)
Glen Pine (Trombone)
Marcus Geard (Baixo)
Allen Teboul (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 100 bpm. O ritmo é pouco denso apesar dos constantes contratempos, sendo elevado, principalmente, devido à acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada com eventuais acordes de passagem, geralmente, oriundos de empréstimo modal ou tonal, existindo frequentes frases dos instrumentos de sopro que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de teclado por Vic Ruggiero.
.
DESTAQUE: Sarah
Música com compasso quaternário, tonalidade de Gm (Sol menor), e forma I-A-B-A-B-A'-A''-B-A'''. O ritmo é pouco denso apesar dos constantes contratempos, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais acentos deslocados no contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia possui dois acordes de passagem, o acorde do quinto grau, sempre dominante, e um cromatismo, em A, sendo neste: I-V-Cr-IV-I-V-Cr-IV-I-V-I, e em B: IV-I-IV-V. A introdução (I) nada mais é do que A executado com arranjo diferente, de maneira solo, pelo teclado.

quarta-feira, 4 de junho de 2014

Skin Of Tears - Blinded (1995)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Alemanha (Wermelskirchen / North Rhine-Westphalia)
FORMAÇÃO:
Toto - Torsten Löhnert (Vocal, guitarra)
Levi - Carsten Dombrowski (Guitarra)
Christian Schwandt (Baixo)
Andi - Andreas Buschorn (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, variações de cadência, e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Andi.
.
DESTAQUE: Blinded
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma I-A-B-A-B-C-D-A-B. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à acentos deslocados do tempo forte ou contratempo por parte do arranjo de guitarra, bem como eventuais pausas, em C, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): I-VII-IV-II, em A: I-VII-IV-II-I-VII-III-VI-I-VII-VI-III-V-III-I-IV, em B: V-III-VII-VI-V-III-II-V-III-VII-II-VI-VII-V, em C: VI-VII-III-IV-I-VI-VII-III-IV-V, e em D: I-VI-III-VI-VII-I-VI-IV-III-II.

segunda-feira, 2 de junho de 2014

Siekiera - Nowa Aleksandria (1986)

GÊNERO: Pós Punk
ORIGEM: Polônia (Pulawy / Lubelskie)
FORMAÇÃO:
Tomasz Adamski (Vocal, guitarra)
Daruisz Malinowski (Vocal, baixo)
Pawel Mlynarczyk (Teclado)
Zbigniew Musinski (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 95 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, existindo eventuais frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Tomasz Adamski.
.
DESTAQUE: Ludzie Wschodu
Música com compasso quaternário, está no modo de Fá Frígio, e forma A-B-A-B-C-B'-D. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência, em C, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords, sendo em A: I-VI-VII, em B: I-II-VI-VII, em C: II-I, e em D: I. Entre C e B' existe uma ponte onde nada mais é do que a execução do power chord do primeiro grau.

sábado, 31 de maio de 2014

Siebensünden - Blod, Slem, Galla (2006)

GÊNERO: Doom Metal
ORIGEM: Suécia (Jönköping / Smaland)
FORMAÇÃO:
Sveggo (Vocal)
Simon (Guitarra)
Björn (Baixo)
Albin (Bateria)
Janne (Samplers)
.
O álbum possui músicas com compassos alternados e andamento médio de 50 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às variações de compasso, bem como acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da semínima como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão de dissonâncias, executados, geralmente, de maneira arpejada, existindo frequentes frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de baixo por Björn.
.
DESTAQUE: När Asgamars Stalbad Härdar Och Man Star Lik I Sitt Eget Hus
Música com compasso 5/4 em A, 4/4 em B, e 6/4 em C, sem tonalidade definida, e forma A-A'-B-A'-B-C-A'-B-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às variações de compasso, acentos deslocados do tempo forte, bem como eventuais pausas, mantendo a figura da semínima como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão de dissonâncias, executadas de maneira arpejada, sendo em A: E-G-F#-E-D-B-E-G-F#-E-D-A-F#-G#, em B: F#-G#-E-G-C-D#-C, e em C: E-G-E-B-E-G-E-B-E-C.

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Shoogooshoeslide - No Reflexion Just... (2001)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: França (Reims / Champagne-Ardenne)
FORMAÇÃO:
Reno (Vocal)
Mikel (Guitarra)
Simon (Guitarra)
BN (Baixo)
Biff - Romain (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, bem como eventuais antecipações e quiálteras, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, existindo saltos de até uma quinta de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça e inversões, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Reno.
.
DESTAQUE: Supersucker!
Música com compasso quaternário, tonalidade de Fm (Fá menor), e forma I-A-B-C-B-C'-A'-C''. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à acentos deslocados do tempo forte ou contratempo e pausas de pequena duração, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, existindo frequentes contracantos harmônicos, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça e inversões, bem como um acorde de passagem, em B, oriundo de cromatismo, e outro (Bb), em C, oriundo de empréstimo modal, além de riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): I-VI-IV, em A: I-IV-I-III-IV, em B: I-V-VI-Cr-VII, e em C: VII-IV6-I-III-VII-I-VII-IV6-I-III-VII-IV.

terça-feira, 27 de maio de 2014

Shaila - Cero A La Izquierda (2002)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Argentina (Buenos Aires / Distrito Federal)
FORMAÇÃO:
Joaquín Guillén (Vocal)
Yasser Eid (Guitarra)
Santiago Tortora (Guitarra)
Pablo Coniglio (Baixo)
Guido Hernan Diez (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, síncopas, pausas, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo e antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma oitava de distância. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Joaquín Guillén.
.
DESTAQUE: Yo
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma I-A-B-A'-B-C-A''. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variação de cadência em C, bem como antecipações, além de eventuais pausas e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VII-I-VI-VII-I-VII-I-VI-III, em B: I-VI-VII-I-VI-VII-I-VI-III-VII-VI-VII, e em C: I-VII-VI-VII-I-VII-I-VI-VII-VI-III-VII-I-III-VII-V. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra. Existem duas pontes, sendo nada mais que a progressão I-VII-I-VI-VII-V após A e A', e a mesma progressão de A, porém com arranjo diferente, entre B e C.