sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Noção De Nada - Trilogia Suja De Copacabana (2004)

GÊNERO: Emo Core
ORIGEM: Brasil (Rio De Janeiro / Rio De Janeiro)
FORMAÇÃO:
Gabriel Zander (Vocal, bateria)
Gabriel Menezes (Guitarra)
Marcelo Cunha (Baixo)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais síncopas, quiálteras e contratempos, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade, bem como eventuais dissonâncias, como referência. A harmonia é executada com frequentes dissonâncias, existindo eventuais power chords, bem como inversões, além de riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos harmônicos por Gabriel Menezes.
.
DESTAQUE: Copacabana
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-A'-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à síncopas e acentos deslocados do tempo forte em B, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade e eventuais dissonâncias como referência. A harmonia é executada com constantes dissonâncias, existindo frequentes acordes de passagem, sendo em A: F(5b)-C7/11-G7, e em B: D7-F(5b)-G7-C. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra.

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

No Use For A Name - Let Em Out! (1990)

GÊNERO: Hardcore Old School
ORIGEM: EUA (San Jose-S.C.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
John Meyer (Vocal)
Doug Judd (Guitarra)
Chris Dodge (Guitarra)
Steve Papoutsis (Baixo)
Rory Koff (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, síncopas e variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça executados de maneira arpejada, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Record Thieves
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma A-B-C-B-C-B'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e eventuais pausas em B, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem em B oriundo de cromatismo, sendo em A: I-III-V-IV-V, em B: V-Cr-VII-VI-V, e em C: V-VI-V-IV-III-I. Entre A e B existe uma ponte onde nada mais é do que B executado de maneira solo pelo baixo.

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

No Rest - Suportar A Dor (2003)

GÊNERO: Hardcore
ORIGEM: Brasil (Porto Alegre / Rio Grande Do Sul)
FORMAÇÃO:
Aline Rodrigues (Vocal)
Paulo Zé Barcellos (Guitarra)
André Luciano (Baixo)
Santiago Rodrigues (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência e pausas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Aline Rodrigues.
.
DESTAQUE: Sangue
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma A-B-B'-A-B-B'-A'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido às variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra, em A, que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-IV-VI-V, e em B: I-IV-III-II-VII-I.

sábado, 25 de agosto de 2012

No Fun At All - The Big Knockover (1997)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Suécia (Skinnskatteberg / Västmanland)
FORMAÇÃO:
Ingemar Jansson (Vocal)
Mikael Danielsson (Guitarra)
Krister Johansson (Guitarra)
Henrik Sunvisson (Baixo)
Kjell Ramstedt (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Ultramar
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma A-B-C-D-A-B-C-D-B'-C-D-A'. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais intervalos de terça e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VII-V, em B: I-III-VII-III-I-III-IV-III-IV-III, em C: VI-V-VII, e em D: I-VI-III-VII-I-VI-III-VII-VI-V-VII.

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

Nitrominds - Verge Of Collapse (2007)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Brasil (Santo André / São Paulo)
FORMAÇÃO:
André (Vocal, guitarra)
Lalo (Baixo)
Edu (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, antecipações, acentos deslocados do tempo forte, síncopas, pausas, e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, pro graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de bateria por Edu.
.
DESTAQUE: 40 Minutes Of Freedom
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma A-B-A'-B-A'-C-D-C'-A'. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte, pausas, e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem, em C, oriundo de cromatismo, sendo em A: I-VII-I-III-VII-IV-I-VII-I-III-VII-IV-VI-V-VII, em B: I-III-IV-VI-V-VII, em C: I-III-Cr, e em D: I-VI-V-VI. Existem duas pontes, uma entre A' e C, e outra entre C' e A', sendo nada mais que a execução do power chord do primeiro grau, e a progressão VI-V-VII, respectivamente.

terça-feira, 21 de agosto de 2012

New Bomb Turks - Pissing Out The Poison (Singles & Other Swill) (1995)

GÊNERO: Garage Punk
ORIGEM: EUA (Columbus-F.C. / Ohio)
FORMAÇÃO:
Eric Davidson (Vocal)
Jim Weber (Guitarra)
Matt Reber (Baixo)
Bill Randt (Bateria)
.
Álbum lançado em 1995, porém com gravações do período entre 1990 e 1993. O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Bill Randt.
.
DESTAQUE: Cryin' In The Beer Of A Drunk Man
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma I-A-B-A'-A-B-C-A-B-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido às eventuais antecipações em A, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: I-III-VII-IV-III, em B: IV-VI-VII, e em C: I-V-VI-III-IV. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pelo baixo.

domingo, 19 de agosto de 2012

Negazione - 100% (1990)

GÊNERO: Skate Punk
ORIGEM: Itália (Turim / Piemonte)
FORMAÇÃO:
Zazzo - Guido Sassola (Vocal)
Tax - Roberto Farano (Guitarra)
Marco Mathieu (Baixo)
Giovanni Jeff Pellino (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da guitarra, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra, bem como eventuais frases do baixo, que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Tax.
.
DESTAQUE: Parole
Música com compasso quaternário, tonalidade de C#m (Dó sustenido menor), e forma I-A-A'-B-C-A'-B-D-A-A'-B-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, existindo um acorde de passagem oriundo de uma variação tonal, em D, a qual está no 6º grau (Lá Maior), sendo na introdução (I): I, em A: I-VI, em B: VII-IV-I, em C: I-VII, e em D: I-IV/VI-III. Entre C e A' existe uma ponte onde nada mais é do que a execução do power chord do primeiro grau.

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Near Miss - The Gentle Art Of Making Enemies (2002)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: EUA (Austin-T.C. / Texas)
FORMAÇÃO:
Jeremy Hernandez (Vocal, guitarra)
Sean Cockrell (Guitarra)
Mychael Bingham (Baixo)
Max Béchard (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte, pausas, antecipações, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, bem como intervalos de terça, além de frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: The Gentle Art
Música com compasso quaternário, tonalidade de Dm (Ré menor), e forma A-B-C-A-B-C'-D-A'. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte, antecipações, bem como frequentes síncopas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça executados de maneira arpejada, bem como intervalos de terça e frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VI-VII, em B: I-VI-VII-VI-III, em C: I-III-IV-VI-III-VII-VI-III-VII-IV, e em D: I-VII-VI-V-I-II-III-VI. Sempre após B existe uma ponte onde nada mais é do que a cadência VI-V. Após D existe uma ponte onde nada mais é do que a execução do power chord do 5º grau.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Napalm Death - Fear, Emptiness, Despair (1994)

GÊNERO: Death Metal
ORIGEM: Inglaterra (Birmingham / West Midlands)
FORMAÇÃO:
Barney Greenway (Vocal)
Jesse Pintado (Guitarra)
Mitch Harris (Guitarra)
Shane Embury (Baixo)
Danny Herrera (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e ternário, e andamento médio de 120 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão, sendo que o bordão está mais um tom abaixo, ou seja, um tom e meio abaixo da afinação padrão. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência e compasso, antecipações, acentos deslocados do tempo forte, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura baixa e extensão pouco elevada, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes acordes de passagem, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de bateria por Danny Herrera.
.
DESTAQUE: Remain Nameless
Música com compasso quaternário e ternário, tonalidade de Db (Ré bemol Maior), e forma A-B-C-D-C. O ritmo possui certa densidade, principalmente devido à variações de cadência e compasso, acentos deslocados do tempo forte e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura baixa e extensão pouco elevada, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes acordes de passagem oriundos de cromatismo, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-III-II-Cr, em B: V-Cr, em C: I-II, e em D: III-II.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

MxPx - Teenage Politics (1995)

GÊNERO: Pop Punk
ORIGEM: EUA (Bremerton-K.C. / Washington)
FORMAÇÃO:
Mike Herrera (Vocal, baixo)
Tom Wisniewski (Guitarra)
Yuri Ruley (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e eventuais pausas e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Yuri Ruley.
.
DESTAQUE: Inquiring Minds Want To Know
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-C-A-B-C-D-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais pausas, síncopas, e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, com exceção de D que possui a execução de acordes com a inclusão da terça, sendo na introdução (I): A-B-A-B-D-E-F-A-B-A-B-F-E-D, em A: B-D-C-G-A, em B: B-A-C-G-D, em C: C-B-G-D-C-B-G-D-E, e em D: Bm-E-A-D-G-C-F. A música possui duas pontes, uma após a introdução e outra entre C e A, sendo elas: D-E-F-E-D-E-D-C-B, e B-A-D-A-E-F-E, respectivamente.

sábado, 11 de agosto de 2012

MxPx - Slowly Going The Way Of The Buffalo (1998)

GÊNERO: Pop Punk
ORIGEM: EUA (Bremerton-K.C. / Washington)
FORMAÇÃO:
Mike Herrera (Vocal, baixo)
Tom Wisniewski (Guitarra)
Yuri Ruley (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Dale Yob no vocal, Greg Hetson na guitarra, e Ronnie King no teclado.
.
DESTAQUE: Fist Vs. Tact
Música com compasso quaternário, tonalidade de Cm (Dó menor), e forma I-A-B-A'-B. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas em A, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações em B, e variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes acordes de passagem oriundos de cromatismo, e em B oriundo do blue note, sendo na introdução (I): I, em A: I-III-II-IV, e em B: I-III-Cr. Existem duas pontes na música, uma após A (e também no final da música, após o último B), e outra após B, sendo a primeira: V-VII-II/V-VII-Cr-I, e a segunda: IV-Cr-III-II-Cr-I.

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Mute - The Raven (2008)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Canadá (Quebec / Quebec)
FORMAÇÃO:
Philippe Lamonde (Vocal, baixo)
Étienne Dionne (Vocal, bateria)
Judas Lacroix (Guitarra)
Antoine Bastien (Guitarra)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é bastante denso, sendo elevado, principalmente, devido à frequentes variações de cadência, síncopas, pausas, acentos deslocados do tempo forte e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma quinta de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais intervalos de terça e acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Shredder
Música com compasso quaternário, tonalidade de Cm (Dó menor), e forma I-A-B-C-D-A'-B'-C-D'-E. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, pausas, acentos deslocados do tempo forte, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma quinta de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais intervalos de terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I, em B: I-VI-I-VI-V-I-VI-VII-VI-V, em C: VI-V-I-III, em D: I-V-III-VII-IV-VI-III-V, e em E: IV-VII-I-IV-VII-I-VI-VII-IV-V-I-V-VI-I.

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Mr. T Experience - Alcatraz (1999)

GÊNERO: Pop Punk
ORIGEM: EUA (Berkeley-A.C. / California)
FORMAÇÃO:
Dr. Frank (Vocal, guitarra)
Joel Reader (Baixo)
Jim Jym Ruzicka (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais acordes de passagem, bem como riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam  a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Eric Noyes tocando órgão e piano, Gabe Meline tocando órgão e piano, Kevin Army tocando piano, e Todd Graddy tocando trompete.
.
DESTAQUE: Re-Activate Your Heart
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi Menor), e forma I-A-B-C-D-A-B-C-D-E-D'-B'-C-D-D''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais acordes de passagem oriundos de empréstimo modal, sendo em A: I-VII-IV-III-IV-I, em B: IV-I-VI-III-IV-I, em C: I-IV-I-IV-I-V-IV, em D: I-IV-III-IV, e em E: I-V-IV. A introdução (I) nada mais é do que um riff de guitarra e baixo com as notas Mi-Dó-Sib-Lá-Sol-Lá-Si. Após a primeira vez de D existe uma ponte onde nada mais é do que a progressão I-VII-IV.

domingo, 5 de agosto de 2012

Motörhead - Ace Of Spades Single (1980)

GÊNERO: NWOBHM
ORIGEM: Inglaterra (Londres / Londres)
FORMAÇÃO:
Lemmy Kilmister (Vocal, baixo)
Fast Eddie Clarke (Guitarra)
Phil Philthy Animal Taylor (Bateria)
.
O single possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais acentos deslocados do tempo forte e pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Fast Eddie Clarke.
.
DESTAQUE: Ace Of Spades
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma I-A-B-A'-B-A'-A-C-D-A-B-A''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas em C, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I, em B: III-I-VII-VI-I-VII-VI, em C: I-VII-V, e em D: IV-V-IV. A introdução (I) nada mais é do que o Mi bemol, executado de maneira solo pelo baixo, com rápida caída para um tom abaixo.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Monster Trux - Grind (2002)

GÊNERO: Skate Punk
ORIGEM: EUA (Chicago-C.C. / Illinois)
FORMAÇÃO:
Monster Matt (Vocal)
Johnny Aggro (Guitarra)
Matt Bones (Guitarra)
Scrape (Baixo)
GMC (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça ou dissonâncias, bem como acordes de passagem, além de riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Speed Wheels
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma I-A-B-C-D-A'-B-C-D-A'-B-C-D-A'-C'. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte ou no contratempo, bem como antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como um acorde de passagem, em D, oriundo de empréstimo tonal, além de riffs de guitarra e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VII-I-VII-V, em B: I, em C: I-III-I-III-IV-I-III-VI, e em D: IV-VI/IV-I-VI-V. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra.

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Mnieniie Daun@ - Klietka (2003)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: Bielorrússia (Rahachow / Homiel)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes de passagem e frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de baixo.
.
DESTAQUE: Stanh Stalhu
Música com compasso quaternário, tonalidade de Fm (Fá menor), e forma I-A-B-A-B-A'-A-B. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem oriundo de cromatismo, sendo em A: I-V-III-VI-I-V-VI-III, e em B: I-Cr-I-Cr-II-III. A introdução (I) nada mais é do que a mesma progressão harmônica de A executado com arranjo diferente. Entre B e A existe uma ponte onde nada mais é do que o mesmo arranjo da introdução (I).