quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Voodoo Glow Skulls - Baile De Los Locos (1997)

GÊNERO: Ska Core
ORIGEM: EUA (Riverside-R.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Frank Casillas (Vocal)
Joe McNally (Trompete)
Joey Hernandez (Saxofone)
Dave Mello (Clarinete)
Brodie Johnson (Trombone)
Eddie Casillas (Guitarra)
Jorge Casillas (Baixo)
Jerry O'Neill (Bateria, percussão)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, execuções harmônicas no contratempo, acentos deslocados do tempo forte, pausas, antecipações, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo frequentes contracantos, devido aos sopros, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais inversões, bem como frequentes frases do baixo e dos sopros que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de sopro.
.
DESTAQUE: Baile De Los Locos
Música com compasso quaternário, tonalidade de Cm (Dó menor), e forma A-B-A-C-B-A-D-C-B-A. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, execuções harmônicas no contratempo, pausas de pequena duração, acentos deslocados do tempo forte, bem como arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo constantes contracantos, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo acordes de passagem oriundos de empréstimo modal (5º dominante) e tonal, eventuais inversões, bem como frequentes frases do baixo e dos instrumentos de sopro que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-III/V-V-I-III-III/V, em B: I-V6, em C: I-V, e em D: I-VII-VI-V-I-VII-VI-V-IV-V-VI-IV-V-VI.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Voices - Demotape (2000)

GÊNERO: Power Violence
ORIGEM: Brasil (Curitiba / Paraná)
FORMAÇÃO:
Nilo Netto (Vocal)
Alexandre Paulino (Vocal)
Claudio Junior (Vocal)
Celso Ogasawara (Guitarra)
Bráulio Delai (Baixo)
Athaide Junior (Bateria)
.
A demo possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e antecipações, bem como eventuais acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Celso Ogasawara.
.
DESTAQUE: Resistir
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma A-B-C-D. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, antecipações e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar harmonia em questão, sendo em A: B-G-F#-A-C-D, em B: B-G-E-F#-G-B-C-A-C-D, em C: E-D-E-F, e em D: E-F-D-E-F-E. A pós B existe uma ponte onde nada mais é do que a progressão harmônica B-C-D-E-F.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Viernes 13 - Sweet Punk (2006)

GÊNERO: Pop Punk
ORIGEM: Espanha (Madri / Madri)
FORMAÇÃO:
Sweet Maite (Vocal)
Pablo (Guitarra)
Killer John (Baixo)
Jorge (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura elevada e extensão pouco elevada, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Jorge.
.
DESTAQUE: Dias De Punk Rock
Música com compasso quaternário, tonalidade de D (Ré Maior), e forma A-B-C-A-B-C-B'-B''-C-B'''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à antecipação cromática da ponte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem, na ponte, oriundo de cromatismo, sendo em A: I-IV-V-I-V-I-V, em B: I-IV-V-IV, e em C: V-IV-I-V. Após a primeira vez de A e B' existe uma ponte, onde nada mais é do que a cadência harmônica Cr-I.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Verse - Aggression (2008)

GÊNERO: Emo Core
ORIGEM: EUA (Providence-P.C. / Rhode Island)
FORMAÇÃO:
Sean Murphy (Vocal)
Eric Lepine (Guitarra)
Zak Drummond (Guitarra)
Chris Berg (Baixo)
Shawn Costa (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte, e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Sons And Daughters
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor), e forma A-B-C-B-C-A'. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, bem como arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords e acordes com a inclusão da terça, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-VI, em B: I-VII-VI-VII, e em C: I-V-VI-VII.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Varukers - Live In Holland (1985)

GÊNERO: D-Beat
ORIGEM: Inglaterra (Londres / Londres)
FORMAÇÃO:
Tony Rat - Anthony Martin (Vocal)
Paul Miles (Guitarra)
Graham Kerr (Baixo)
Andy Baker (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords. Destaque para a execução dos arranjos de bateria por Andy Baker.
.
DESTAQUE: No Scapegoats
Música com compasso quaternário, tonalidade de G#m (Sol sustenido menor), e forma I-A-B-A'-B-A'-B-A. O ritmo é pouco denso, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: I-III-II-VII, e em B: IV-VI-III-IV-VI-VII. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pelo baixo.

domingo, 17 de fevereiro de 2013

Vampires - Tous Egaux Devant Les Asticots... (1987)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: França (Paris / Île-de-France)
FORMAÇÃO:
T. Wolf (Vocal)
Bernt Kadaverik (Guitarra)
Ulrich Ausweis (Baixo)
Karim Kouskous (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e ternário, e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo extensão elevada e altura pouco elevada, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça. Destaque para a execução dos arranjos vocais por T. Wolf.
.
DESTAQUE: Le Monde A L'envers
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor), e forma A-B-C-A-B-C-A'-B-C-A-B-C-A-B-C-A''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais variações de cadência em A' e A'', mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem oriundo de cromatismo e outro oriundo de uma variação tonal (em C), sendo em A: I-Cr-VII-III, em B: I-V-VI-III-II-I, e em C: VI/IV-VI-IV-I.

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Unwritten Law - Unwritten Law (1998)

GÊNERO: Pop Punk
ORIGEM: EUA (Poway-S.D.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Scott Russo (Vocal)
Steve Morris (Guitarra)
Rob Brewer (Guitarra)
Micah Albao (Baixo)
Wade Youman (Bateria, percussão)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e eventuais pausas e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo saltos de até uma quinta de distância, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Scott Russo.
.
DESTAQUE: Genocide
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma I-A-B-A-B-C-D-B-A'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: VII-I-VII-I-III-VII-I-IV-III-VII, em B: I-V-VII-IV, em C: V-VII-IV-I, e em D: I-VII-III-IV. A introdução (I) nada mais é do que A executado de maneira solo pelo baixo.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Undecided - More To See (2001)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: Canadá (Steinbach / Manitoba)
FORMAÇÃO:
Matt Fast (Vocal)
John Paul Peters (Guitarra)
Dan Thomas (Baixo)
Steve Dueck (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso apesar das frequentes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, bem como eventuais acentos deslocados do tempo forte ou contratempo e pausas de pequena duração, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes intervalos e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por John Paul Peters.
.
DESTAQUE: Songs Of Counter Culture
Música com compasso quaternário, tonalidade de Gm (Sol menor), e forma I-A-B-A-B-C-D. O ritmo é pouco denso apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas de pequena duração e acentos no contratempo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo um acorde de passagem oriundo de cromatismo, bem como eventuais intervalos, inversões, e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): I-VII-VI-VII, em A: I-III-IV, em B: I-VII-IV-VI-VII-I-VII-IV-VI-VII-Cr-I-III-IV-I-III-IV-VI-VII-Cr, em C: III-III2-VI-IV-V, e em D: I-III-VII-IV-I-III-VII-IV-VI.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Uk Subs - Occupied (1996)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Inglaterra (Londres / Londres)
FORMAÇÃO:
Charlie Harper (Vocal)
Alan Campbell (Guitarra)
Brian Barnes (Baixo)
Pete Davies (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais acordes de passagem. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Charlie Harper.
.
DESTAQUE: Nazi Cunts
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma A-B-C-A'-B-C-A'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e pausas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta do acorde em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: E-A-E-D#, em B: E-B-E-B-A#, e em C: B-C-B-A#.

sábado, 9 de fevereiro de 2013

Type O Negative - Slow, Deep And Hard (1991)

GÊNERO: Doom Metal
ORIGEM: EUA (Nova York / Nova York)
FORMAÇÃO:
Peter Steele (Vocal, baixo)
Kenny Hickey (Guitarra)
Josh Silver (Teclado, sintetizador)
Sal Abruscato (Bateria, percussão)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e andamento, mantendo a figura da semínima como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura baixa e extensão elevada, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos vocais por Peter Steele.
.
DESTAQUE: Xero Tolerance
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma A-B-C-B-C-A'-D-E-F-E-F-A'-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência e andamento, bem como eventuais antecipações, pausas, e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, sendo em A: Db-Ab-G-Db-Ab-G-Db-Eb, em B: E-D, em C: Db-Ab-G-Ab-Db-D, em D: Bm-G-A-Bm-C-A-B-F#-G-D#(5b)-E-A-Bm, em E: A-D-G-D, em F: B-D-E-B-D-E-B-A-Cr, e na Coda: Am-C.

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

TSOL - Disappear (2001)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: EUA (Long Beach-L.A.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Jack Grisham (Vocal, teclado)
Ron Emory (Guitarra)
Mike Roche (Baixo)
Jay O'Brien (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações e acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Ron Emory.
.
DESTAQUE: In My Head
Música com compasso quaternário, tonalidade de Bm (Si menor), e forma A-B-C-B'-C'-B'-A'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais antecipações, bem como acentos deslocados do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes acordes de passagem oriundos de cromatismo, sendo em A: I-III, em B: I-Cr-IV-Cr-IV-III-IV-VII-Cr, e em C: I-III-VII. A cada quatro voltas da progressão harmônica de C e C' existe uma ponte, onde nada mais é do que a progressão VI-IV, esta aprece, também, após A'.

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Triple X - El Rock De Los Viciosos (2006)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: Colômbia (Bogotá / Cundinamarca)
FORMAÇÃO:
Enano (Vocal, guitarra)
Jose Mario (Guitarra)
Pollo (Baixo)
Che Che (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas e variações de cadência, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: A Mi Manera
Música com compasso quaternário, tonalidade de Am (Lá menor), e forma A-B-A-B-A'-B'-A-B''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo um acorde de passagem, em B, oriundo do blue note da escala pentatônica, bem como eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo em A: I-III-IV-V-VII-I, e em B: Cr-IV-III-I-VII-I.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Toy Dolls - The Toy Dolls Ep (1981)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: Inglaterra (Sunderland / Tyne And Wear)
FORMAÇÃO:
Olga - Michael Algar (Vocal, guitarra)
Flip - Phillip Dugdale (Baixo)
Happy Bob - Robert Kent (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, bem como arranjos específicos de cada instrumento, em especial da guitarra, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, existindo eventuais contracantos, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia possui frequentes frases do baixo e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a tonalidade em questão. Destaque para a execução dos arranjos de guitarra por Olga.
.
DESTAQUE: I've Got Asthma
Música com compasso quaternário, tonalidade de A (Lá Maior), e forma A-B-C-A-B-C-D-B-C'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia possui eventuais riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a tonalidade em questão, sendo em A: I-IV-V, em B: I-V, em C: I-IV-V, e em D: IV-I-IV-I-IV-V.

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Toxodeth - Lo Más Morbido De La Realidad (1993)

GÊNERO: Black Metal
ORIGEM: México (Monterrey / Nuevo León)
FORMAÇÃO:
Jesus Guzmán (Vocal)
Raul Guzmán (Guitarra, teclado)
Israel Treviño (Baixo)
Luis Martinez (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria e guitarra, bem como eventuais pausas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura baixa e extensão pouco elevada, mantendo a tônica da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça e frequentes dissonâncias, bem como acordes de passagem e frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra por Raul Guzmán.
.
DESTAQUE: Lo Más Morbido De La Realidad
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-A'-C-D-E-F-G-H. O ritmo possui certa densidade, principalmente, devido à variações de cadência, acentos deslocados do tempo forte ou contratempo, pausas, e arranjos específicos de cada instrumento, em especial da bateria e guitarra, bem como eventuais tríades e síncopas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura baixa e extensão pouco elevados, mantendo a tônica da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada, quase toda, em power chords, existindo eventuais acordes com a inclusão da terça, bem como frequentes dissonâncias, e riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): E5-C5b, em A: F-G-Ab-F-G-Ab-E-F-G-Ab-F-G-Ab-E-Bb-C-Db-Bb-C-Db-A, em B: C-Db-C-Bb-E-C-Db-C-A-C-Db-B-C-C-Db-B-C-G-D-E, em C: B-C-F#-G-B-C-F#-G, em D: B-G-F#-C-A-G#, em F: E-F-E-F-G-E, em G: F-Ab-F-C-F-Ab-F-C-A-C-A-E-A-C-A-E, e em H: A-C-A-C-G-A. Existem duas pontes na música, sendo a primeira entre a introdução e A, a segunda entre A' e C, cujas progressões harmônicas são F-G-Ab-Bb-F-G-Ab-Bb-D-C#-D-C#, e A-G-F#, respectivamente.