segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Reverend Horton Heat - Spend A Night In The Box (2000)

GÊNERO: Psychobilly
ORIGEM: EUA (Dallas-D.C. / Texas)
FORMAÇÃO:
Jim Reverend Horton Heath (Vocal, guitarra)
Jimbo Wallace (Baixo acústico)
Scott Churilla (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é bastante denso, sendo executado frequentes shuffles, ou eventuais rallentandos e pausas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, executando eventuais notas de tensão, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tráde da tonalidade como referência. A harmonia é executada com frequentes acordes dissonantes, podendo estes ser com sétima (mais frequente), nona, décima primeira ou quinta diminuta, além de executar frequentes riffs de guitarra que ajudam a carcterizar a harmonia em questão. Destaque para a participação de Tim Alexander, tocando piano, órgão, acordeon e bajo quinto nas músicas Sleeper Coach Driver, Hand It To Me, e Unlucky In Love.
.
DESTAQUE: It Hurts Your Daddy Bad
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor) e forma I-A-B-A-B-A'-B'-A-B-A''-B'. O ritmo é denso, principalmente, devido às frequentes síncopas, sendo elevado devido aos arranjos individuais de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, executando, em A, a sétima maior da tonalidade, ou seja, a música está em Mi menor harmônico em A, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tríade e a sétima maior como referência. A harmonia é executada com frequentes acordes dissonantes, além de frequentes riffs de guitarra que ajudam a carcterizar a harmonia em questão, sendo em A: i-i7M/43-iv(4sus)-V7, e em B: i-iv-i-V7. A introdução nada mais é do que A executado de maneira solo pela guitarra.

sábado, 29 de agosto de 2009

Ratos De Porão - Descanse Em Paz (1986)

GÊNERO: Crossover
ORIGEM: Brasil (São Paulo / São Paulo)
FORMAÇÃO:
João Gordo (Vocal)
Jão (Guitarra)
Jabá (Baixo)
Spaghetti (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado em eventuais trechos onde existem pausas, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, eventualmente alcançando uma quinta de distância, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra que ajudam a cracterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução do arranjo de bateria por Spaghetti.
.
DESTAQUE: Descanse Em Paz
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor) e forma A-B-A'-B-A-C-A'-B-A'. O ritmo é pouco denso, apesar das constantes síncopas em B, sendo elevado devido ao arranjo de bateria em C, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, existindo saltos de uma quinta de distância de B para A', porém em sequência de longa pausa, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: I-VII-I, em B: I-VII-V, e em C: I-VII-V-I-VII-II. Entre C e A' existe uma ponte onde nada mais é do que o arranjo de B executado de maneira solo pela bateria.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Ramones - Mondo Bizarro (1992)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: EUA (Nova York / Nova York)
FORMAÇÃO:
Joey Ramone - Jeffrey Hyman (Vocal)
Johnny Ramone - John Cummings (Guitarra)
C.J. Ramone - Christopher Joseph Ward (Baixo)
Marky Ramone - Marc Bell (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às eventuais antecipações, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta do acorde em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, com eventuais trechos onde a inclusão da terça é executada no acorde, estes, de maneira arpejada. Destaque para as participações de Vernon Reid, guitarra em Cabbies On Crack, e Joe McGinty, teclado em Take It As It Comes.
.
DESTAQUE: Main Man
Música com compasso quaternário, tonalidade de F#m e forma A-A'-B-A'-B-A''-A'-B'-B''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às eventuais antecipações em B, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: I-III-VII-I, e em B: I-III-VII-IV. Sempre depois de A, A' e A'' existe uma ponte, onde é executado a cadência harmônica IV-V.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Queers - Grow Up (1990)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: EUA (Portsmouth-R.C. / New Hampshire)
FORMAÇÃO:
Joe King Queer (Vocal, guitarra)
Young Sean Rowley (Guitarra)
Greg Urbatis (Baixo)
Huge Hugh O'Neill (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é pouco denso, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, não ultrapassando uma quarta de distância, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra e/ou linhas de baixo que ajudam a carcterizar a harmonia em questão. Destaque para a execução do arranjo vocal por Joe King Queer.
.
DESTAQUE: Rambo Rat
Música com compasso quaternário, tonalidade de Gm (Sol menor) e forma A-B-C-B'-A-B-C-B'-A-B-C. O ritmo é pouco denso, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente, a melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra, em A, que ajudam a carcterizar a harmonia em questão, sendo em A: II-IV-VII-IV-I, em B: I-IV-V-II, e em C: IV-I-V-II.

domingo, 23 de agosto de 2009

Poison Idea - Feel The Darkness (1990)

GÊNERO: Hardcore Old School
ORIGEM: EUA (Portland-M.C. / Oregon)
FORMAÇÃO:
Jerry A. (Vocal)
Pig Champion - Tom Roberts (Guitarra)
Aldine Strichnine (Guitarra)
Myrtle Tickner - Charley Nims (Baixo)
Thee Slayer Hippy - Steve Hanford (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, apesar das frequentes síncopas e figuras pontuadas, mantendo a figura da colchgeia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, saltos que não ultrapassam uma quinta de distância, sendo estes eventuais, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, exceto quando esta é executada pelo piano, onde o acorde possui, então, a inclusão da terça, além de frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para a participação de Mondo tocando piano e baixo.
.
DESTAQUE: Plastic Bomb
Música com compasso quaternário, tonalidade de Dm (Ré menor) e forma I-A-B-A-B-B'-A'-B-A''. O ritmo é pouco denso, apesar das frequentes figuras pontuadas, eventuais pausas e arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, possuindo saltos que não ultrapassam uma terça de distância, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, com exceção da introdução devido ao piano, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a carcterizar a harmonia em questão, em A ocorre uma transposição tonal para o quinto grau da tonalidade, ou seja, é executado o campo harmônico de Lá frígio, sendo em A: V-VI-VII-VI-V, e em B: I-VI-III-VII. A introdução nada mais é do que B executado com arranjo diferente. Entre a introdução e A existe uma ponte onde nada mais é do que o power chord do quinto grau executado sobre um arranjo de bateria.

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Pegboy - Three-Chord Monte (1990)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: EUA (Chicago-C.C. / Illinois)
FORMAÇÃO:
Larry Damore (Vocal, guitarra)
John Haggerty (Guitarra)
Steve Saylors (Baixo)
Joe Haggerty (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado em eventuais trechos onde a acentuação ocore fora do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo extensão e altura pouco elevados, não ultrapassando uma quinta de distância, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords, existindo eventuais trechos onde o acorde é executado com a inclusão da terça, estes de maneira arpejada, ou riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para o timbre de voz de Larry Damore.
.
DESTAQUE: My Youth
Música com compasso quaternário, tonalidade de F# (Fá sustenido maior) e forma A-B-A'-B-C-C'-B-C-C''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às acentuações no contratempo em C' e C'', mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, grealmente, por graus conjuntos, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, estes executados, em A, de maneira arpejada, sendo em A: I-V-IV-V, em B: I-V-IV-V-I-V-IV, e em C: I-V-II-IV.

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Patti Smith Group - Radio Ethiopia (1976)

GÊNERO: Proto Punk
ORIGEM: EUA (Nova York / Nova York)
FORMAÇÃO:
Patti Smith (Vocal, guitarra)
Lenny Kaye (Guitarra)
Richard Sohl (Teclado, sintetizador, piano)
Ivan Kral (Baixo)
Jay Dee Daugherty (Bateria, percussão)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 100 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido aos improvisos e arranjos individuais, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, alcançando saltos de até uma quinta de distância, sendo executada, inclusive, com frequentes improvisos, possuindo extensão elevada e altura pouco elevada, mantendo a tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada com frequentes inclusões da sétima, bem como os improvisos ritmicos, não existindo muitos acordes fora do campo harmônico da tonalidade original. Destaque para os improvisos melódicos de Patti Smith.
.
DESTAQUE: Poppies
Música com compasso quaternário, tonalidade de D#m (Ré sustenido menor) e forma I-A-B-A-B-A'. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido aos constantes improvisos, principalmente, da guitarra, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, existindo saltos de até uma quarta de distância, possuindo extensão elevada e altura pouco elevada, além de frequentes improvisos. A harmonia é executada dentro do campo harmônico da tonalidade original, existindo frequentes inclusões da sétima no acorde de primeiro grau, sendo em A: i-i7-i, e em B: VI-v-i-VI-v. A introdução nada mais é do que A executado com arranjo diferenciado.

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Onslaught - The Force (1986)

GÊNERO: Thrash Metal
ORIGEM: Inglaterra (Bristol / Bristol)
FORMAÇÃO:
Sy Keeler (Vocal)
Nige Rockett (Guitarra)
Jase Stallard (Guitarra)
Paul Mahoney (Baixo)
Steve Grice (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às frequentes acentuações fora do tempo forte, além de arranjos específicos para guitarra, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha , geralmente, por graus conjuntos, alcançando saltos de até uma oitava, estes, geralmente, em falcete, possuindo extensão elevada, ao contrário da altura, mantendo a quinta da tonalidade em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, com eventuais trechos onde acordes com a inclusão da terça são executados, estes de maneira arpejada, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de guitarra.
.
DESTAQUE: Fight With The Beast
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma I-A-B-A-B-C-D-E-F-G-A-B-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às acentuações fora do tempo forte, principalmente, devido aos arranjos de guitarra, mantendo a figura da semi-colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, existindo saltos de até uma oitava, estes em falcete, possuindo extensão elevada, ao contrário da altura, mantendo a quinta do acorde em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo a introdução (I): A5-C5, em A: A5-C5-D5-A5-C5-D5-C5-Bb5-A5-C5-G5-A5, em B: C5-D5-Bb5-C5-A5-C5-D5-C5, em C: Bb5-A5-G5-Bb5-A5-G5-D5, em D: E5, em E: E5-G5-A5-Bb5-E5-C5-Bb5-A5-Bb5-A5-G5-A5, em F: E5-A5-Bb5-E5-Bb5-C5-E5-D5-Eb5-C5-D5-A5-Bb5, em G: A5-C5-B5-C5-B5-G5-A5-B5-D5-C5-B5-C5-B5-A5-E5-F5-E5-D5-E5-F5-G5-F5-E5-F5-E5-D5, e na coda: A5-C5-A5-C5-D5-C5-A5-G5-A5-E5-F5-G5-A5.

domingo, 16 de agosto de 2009

Offspring - Splinter (2003)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: EUA (Huntington Beach-O.C. / California)
FORMAÇÃO:
Dexter Holland (Vocal, guitarra)
Noodles (Guitarra)
Greg K. (Baixo)
Josh Freese (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, apesar das constantes síncopas, sendo elevado devido às eventuais acentuações fora do tempo forte e eventuais pausas nos arranjos específicos de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, ocorrendo saltos de até uma quinta de distância, possuindo extensão e altura bastante elevados, mantendo a tríade da tonalidade em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações de Ronnie King, teclado em Hit That; Mark Moreno, Phil Jordan, Jason Powell e Erich Marbach, scratches, trompete, saxofone e trombone, respectivamente, em The Worst Hangover Ever; Brendan O'Brien, piano em Spare Me The Details; Natalie Leggett, Mario de Leon, Eve Butler, Denyse Buffum e Matt Funes, violino em When You're In Prison, e Larry Corbett e Gayle Levant, cello e harpa, respectivamente, na mesma música.
.
DESTAQUE: Lightning Rod
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor) e forma I-A-B-C-A'-A-B-C'-A'-D-B-A''. O ritmo é pouco denso, apesar das constantes síncopas, sendo elevado em B devido aos acentos, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, alcançando saltos de até uma quinta de distância, possuindo extensão e altura elevados, mantendo a tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequente riff de guitarra em A', ajudando a carcterizar a harmonia em questão, sendo em A: V-I-III-I, em B: I-II-III-II-I-VII-I-II-III-II-I-III-II-I-III-II, em C: III-IV, e em D: I-III-V-I. A introdução nada mais é do que uma frase melódica executada sobre o power chord do primeiro grau.

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Noise Reduction - Split [Deadlock] (1995)

GÊNERO: Crust Core
ORIGEM: Bélgica (Lint / Antuérpia)
FORMAÇÃO:
Kurt (Vocal)
Stefaan Simons (Guitarra)
Tim Wouters (Baixo)
Rudy Verhelst (Bateria)
.
O Ep possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo é pouco denso, apesar das constantes síncopas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha por graus conjuntos, ocorrendo saltos de, no máximo, uma terça de distância, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords. Destaque para a execução do arranjo vocal por Kurt.
.
DESTAQUE: God Bless The Liberators
Música com compasso quaternário, sem tonalidade definida, e forma A-B-A-B-A'-A-B. O ritmo é pouco denso, apesar das constantes síncopas, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a quinta da harmonia em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, sendo em A: E5-A5-G5-Bb5, e em B: B5-A5-C5.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Noel Guarany - Destino Missioneiro (1980)

GÊNERO: Pampeano
ORIGEM: Brasil (Bossoroca / Rio Grande do Sul)
FORMAÇÃO:
Noel Guarany (Vocal, violão)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e ternário, e andamento médio de 90 bpm. O violão está afinado meio tom abaixo do padrão. O ritmo é extremamente denso, variando entre milonga, chamamé, tango e chacarera, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, podendo alcançar saltos de até uma oitava de distância, possuindo extensão elevada e altura com eventuais trechos em que se eleva, mantendo a tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada, quase sempre, dentro do campo harmônico da tonalidade, existindo frequentes acordes com a inclusão da sétima, estes geralmente executando a função de dominante no quinto grau, sendo, então, um acorde de passagem, além de eventuais acordes com dissonância de nona, décima primeira ou décima terceira. Destaque para a impostação vocal de Noel Guarany.
.
DESTAQUE: Versus
Música com compasso ternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor) e forma A-B-C-A-B-C-A-B-C'. O ritmo é bastante denso, sendo este um chamamé, existindo eventuais pausas que elevam um pouco mais a densidade, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, alcançando saltos de até uma oitava de distância, possuindo extensão elevada, ao contrário da altura, mantendo a tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada dentro do campo harmônico da tonalidade original, com exceção do quinto grau, que é sempre maior e com sétima, sendo um acorde de passagem oriundo da função de dominante, assim como o primeiro grau com sétima em C, que também é um acorde de passagem, sendo em A: i-VI7-VI7(9)-VI7-V7-V7(9)-V7-iv7-iv7(9)-iv7-III7-III7(9)-III7-V7-V7(5#)-V7-i, em B: i-V7-i, e em C: IV/III-V/III-III-V7-i-I7. Em A existe uma frase do violão, executada depois do primeiro acorde, toda em intervalos, sendo o sol bemol e a terça maior, o si bemol e a terça menor, o sol bemol e a quinta diminuta e o sol bemol e a quarta justa.

domingo, 9 de agosto de 2009

No Use For A Name - Making Friends (1997)

GÊNERO: Hardcore Melódico
ORIGEM: EUA (San Jose-S.C.C. / California)
FORMAÇÃO:
Tony Sly (Vocal, guitarra)
Chris Shiflett (Guitarra)
Matt Riddle (Baixo)
Roarin' Rory Koff (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 120 bpm. O ritmo possui pouca densidade, apesar das constantes síncopas, sendo elevado, principalmente, pelos arranjos individuais de cada instrumento, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, existindo saltos de até uma oitava de distância, possuindo extensão e altura elevados, além de manter a tríade da tonalidade em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes intervalos de terça e riffs de guitarra que ajudam a carterizar a harmonia em questão. Destaque para as participações vocais de Karina Denike, em On The Outside; Dicky Barrett e Spike Slawson, em Fields Of Athenry, bem como Todd Denman, tocando gaita de fole e tin whistle na mesma música.
.
DESTAQUE: On The Outside
Música com compasso quaternário, tonalidade de Em (Mi menor) e forma A-B-C-A-B'-C-D-C-A'. O ritmo é pouco denso, apesar das constantes síncopas, sendo elevado, em eventuais trechos onde existem pausas de pequena duração, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha bastante, existindo bordaduras e saltos de até uma oitava de distância, possuindo extensão e altura bastante elevados, mantendo a tríade da tonalidade em questão como referência. A harmonia é executada em power chords, existindo frequentes intervalos de terça e riffs de guitarra, sendo que C está na tonalidade relativa, além de existir um cromatismo em D, sendo em A: III-II-V-I-III-II, em B: V-III-I-II-V-III-VI-IV-III, em C: III-V/III-II/III-III-V/III-II, e em D: III-VI-IV-II-III-VI-IV-Cr-V.

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Nebula - Atomic Ritual (2003)

GÊNERO: Rock
ORIGEM: EUA (Los Angeles-L.A.C. / California)
FORMAÇÃO:
Eddie Glass (Vocal, guitarra)
Mark Abshire (Baixo)
Ruben Romano (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário (e eventuais variações) e andamento médio de 100 bpm. O ritmo apresenta maior densidade nos momentos em que ocorrem acentos fora do tempo forte, bem como arranjos específicos dos instrumentos, além das improvisaçãoes, mantyendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, não ultrapassando uma quinta de distância, possuindo altura e extensão pouco elevados, e mantendo a tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, havendo frequentes riffs que ajudam na caracterização da harmonia em questão, bem como eventuais trechos onde acordes com a inclusão da terça são executados, de maneira arpejada. Destaque para os riffs.
.
DESTAQUE: The Way To Venus
Música com compasso quaternário, existindo um compasso de cinco tempos em A, tonalidade de Gm (Sol menor) e forma A-B-A'-B'-C-A'-D. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às frequentes acentuações no contratempo e à variação de 1 compasso (de 4 para 5 tempos) em A, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, não ultrapassando uma terça de distância, possuindo extensão e altura pouco elevados, além de manter a tônica e quinta do acorde em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo frequentes riffs que ajudam na caracterização da harmonia, bem como um cromatismo em C, sendo em A: I-VII-I-V-I-V-VII, em B: I-III-VII, em C: Cr-IV-III-I, e em D: V-I-V-VII.

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Motörhead - No Sleep 'Til Hammersmith (1981)

GÊNERO: NWOBHM
ORIGEM: Inglaterra (Londres / Londres)
FORMAÇÃO:
Lemmy Ian Kilmister (Vocal, baixo)
Fast Eddie Clark (Guitarra)
Phil Philthy Animal Taylor (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 110 bpm. Os instrumentos de corda estão afinados meio tom abaixo da afinação padrão. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido aos arranjos isolados de cada instrumento, principalmente pela bateria, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, geralmente, por graus conjuntos, podendo alcançar um salto de uma quinta de distância, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo a tônica e quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords, sendo executada, eventualmente, de maneira invertida, existindo frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão.Destaque para os riffs de guitarra.
.
DESTAQUE: Bomber
Música com compasso quaternário, tonalidade de Ebm (Mi bemol menor) e forma A-B-C-B-C-A'-B-C-A''. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido aos arranjos de bateria e eventuais trechos com pausa, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a quinta do acorde como referência. A harmonia é executada toda em power chords, constantemente executado de forma invertida em A e B, além de existir, nestas mesmas partes, constante riff de guitarra que caracteriza o quinto e o quarto graus maior, oriundo de uma função de dominante e de um empréstimo modal, respectivamente, sendo em A: V-IV-I-VII-I-VI-VII, em B: V-IV, e em C: I-VII-I-VI-VII.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Molotov - Apocalypshit (1999)

GÊNERO: Funk Metal
ORIGEM: México (Cidade do México / Distrito Federal)
FORMAÇÃO:
Tito - Ismael Fuentes De Garay (Vocal, guitarra)
Paco - Juan Francisco Ayala Gonzalez (Vocal, guitarra)
Micky - Miguel Ángel Huidobro Preciado (Vocal, baixo)
Gringo Loco - Randy Ebright (Vocal, bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 105 bpm. O ritmo é extremamente denso, existindo frequentes acentuações no tempo fraco ou contratempo, e pausas, além de frequentes improvisos indiduais que ajudam a elevar a densidade, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, dificilmente existindo um salto que ultrapasse uma quinta de distância, o que mantém a extensão pouco elevada, assim como a altura, mantendo as notas da tríade da tonalidade em questão como referência. A harmonia é executada em power chords, acordes com a inclusão da terça e/ou dissonâncias, além de frequentes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, com a utilização de muitos efeitos. Destaque para os arranjos e improvisações ritmicas.
.
DESTAQUE: Apocalypshit
Música com compasso quaternário, tonalidade de Dm (Ré menor) e forma I-A-B-A-B-I'-A'-B. O ritmo é extremamente denso, existindo constantes acentuações no contratempo, pausas de pequena duração, além de improvisos, porém sendo mais elevado devido ao arranjo de bateria, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, não possuindo salto de mais de uma quinta de distância, criando, consequentemente, extensão pouco elevada, assim como a altura, mantendo a quinta da tonalidade como referência. A harmonia é executada em power chords, possuindo constantes riffs de guitarra que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, além de ser executada com muitos efeitos, sendo em A: I, e em B: VII-IV-I. A introdução (I) nada mais é do que um riff baseado no primeiro grau. A possui constantes improvisos.

sábado, 1 de agosto de 2009

Misfits - Earth A.D. (1983)

GÊNERO: Punk Rock
ORIGEM: EUA (Lodi-B.C. / Nova Jersey)
FORMAÇÃO:
Glenn Danzig (Vocal)
Doyle Wolfgang Von Frankenstein (Guitarra)
Jerry Only (Baixo)
Robo (Bateria)
.
O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado devido às eventuais acentuações fora do tempo forte, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, havendo eventuais saltos de até uma oitava de distância, possuindo extensão elevada e altura baixa, mantendo a tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, havendo eventuais cordes de passagem. Destaque para a execução do arranjo vocal por Glenn Danzig.
.
DESTAQUE: Demonomania
Música com compasso quaternário, tonalidade de C (Dó Maior) e forma I-A-B-A. O ritmo é pouco denso, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha pouco, possuindo extensão e altura pouco elevados, mantendo a tônica e quinta do acorde em questão como referência. A harmonia é executada toda em power chords e está toda no sétimo grau de Dó Maior, sendo em A: V/VII-VII-III/VII, e em B: V/VII-IV/VII-VII. A introdução (I) nada mais é do que o power chord do primeiro grau sendo executado.