segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Rancid - B Sides And C Sides (2007)

GÊNERO: Street Punk
ORIGEM: EUA (Berkeley-A.C. / Califórnia)
FORMAÇÃO:
Tim Armstrong (Vocal, guitarra)
Lars Frederiksen (Vocal, guitarra)
Matt Freeman (Vocal, baixo)
Brett Reed (Bateria)
.
Álbum lançado em 2007, porém com gravações do período entre 1993 e 2003. O álbum possui músicas com compasso quaternário e andamento médio de 115 bpm. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à variações de cadência, além de eventuais antecipações e acentos deslocados, bem como arranjos específicos do contrabaixo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais riffs de guitarra e frequentes frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão. Destaque para os arranjos de contrabaixo por Matt Freeman.
.
DESTAQUE: Tattoo
Música com compasso quaternário, tonalidade de Gm (Sol menor), e forma I-A-B-A-B-C-B'-Coda. O ritmo é pouco denso, sendo elevado, principalmente, devido à eventuais pausas e arranjos específicos do contrabaixo, mantendo a figura da colcheia como a mais frequente. A melodia caminha, geralmente, por graus conjuntos, possuindo altura e extensão pouco elevados, mantendo as notas da tríade da tonalidade como referência. A harmonia é executada toda em power chords, existindo eventuais frases do baixo que ajudam a caracterizar a harmonia em questão, sendo na introdução (I): I-III-IV-I-III-IV-VI-V-VI-V-IV-III, em A: I-VI-V-IV-III, em B: VI-III-VII-III, em C: VI-III-IV-I, e na Coda: VII-III-VII-III-I. Sempre após B existe uma ponte, sendo a primeira a execução do power chord do primeiro grau, e a segunda a execução da progressão da introdução com exceção dos três primeiros acordes.

Nenhum comentário :

Postar um comentário